Triplo pódio para os Pilotos do nosso Team na última Ronda do CNV

Decorreu no passado fim de semana a última ronda do Campeonato Nacional de Velocidade 2016 – Estoril IV, no Autódromo do Estoril.

team_podio-final_-cnv-2016

Foi uma jornada recheada de emoções fortes, pois os nossos pilotos disputaram o segundo e terceiro lugar da Classe Open entre si. Pedro Flores detetou um problema na caixa de velocidades da sua Kawazaki ZX9R logo na primeira corrida desta jornada que se realizou no sábado, mas fez questão de não baixar os braços e completou as três corridas deste fim de semana, sempre lado a lado com o companheiro Jorge Afonso. Presenciamos verdadeiros momentos de cumplicidade e amizade entre os nossos pilotos, dentro e fora da pista e, mais uma vez, as classificações ficaram para segundo lugar.
O primeiro lugar do Troféu na Classe Open estava entregue ao nosso amigo e patrocinador João Curva desde a jornada anterior, em Braga. Jorge Afonso conquistou o segundo lugar e Pedro Flores o terceiro lugar da Classe.

Os nossos pilotos estão de Parabéns! Foi uma grande época, onde amizade e companheirismo foram as palavras de ordem. Os nossos pilotos fazem a seguinte reflexão no final deste Campeonato: Mais um ano em que marcámos presença na Taça Luís Carreira. Esta escolha, à semelhança do ano passado, é motivada por um lado por querermos continuar a prestar homenagem a esse grande piloto português que foi o Luís Carreira e, por outro, por voltar a partilhar a pista com os companheiros e amigos que igualmente participam nesta Taça. Pela positiva destacamos a evolução de ambos em termos de prestação desportiva. Conseguimos o segundo e terceiro lugar finais da classe Open, passando o ceptro do primeiro lugar que pertencia ao Pedro desde o ano passado para o João Curva, curiosamente um amigo nosso e também patrocinador. A parceria com o Zanza Team, em conjunto com a recetividade que obtivemos da Comissão de Velocidade da FMP e do Motor Clube do Estoril, possibilitaram a realização de várias iniciativas solidárias em complemento aos dias de competição. Agradecemos aos patrocinadores que se fizeram representar em todas as provas tanto no CNV como no Troféu Yamaha. Mas nem tudo foi positivo… Pese embora os apoios conseguidos, a verdade é que ainda assim houve um grande esforço financeiro por parte dos pilotos, fruto de alguns compromissos não assumidos. O retorno que este campeonato deu, com transmissões televisivas e reportagens em jornais e revistas, pode e deve ser um incentivo aos patrocinadores. Certo que os pilotos embora estejam a fazer algo que gostam, não deixam de pôr em risco a sua segurança para obter resultados de relevo, e que se for por sua conta e risco, então que seja essa única e exclusiva imagem que passe cá para fora. A continuidade do projeto não está em causa, mas importa refletir um pouco em como o mesmo se vai desenvolver em 2017  (Jorge Afonso e Pedro Flores).

Agradecemos uma vez mais a todos os patrocinadores e amigos por todo o apoio dado ao longo de todas as etapas deste Campeonato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>